Salzburgo – muito mais do que o berço de Mozart

Com uma fantástica arquitectura de origem medieval onde imperam várias torres de igrejas com cúpulas imponentes, uma fortaleza no alto de uma colina e os Alpes como pano de fundo, fica fácil entender de onde vinha a inspiração do eterno Amadeus Wolfgang Mozart. O compositor dá o seu nome a museus, cafés, perfume, hotel, chocolates e até, ao aeroporto da cidade!

CIDADE
Vista panorâmica da cidade, o rio Salzach e os Alpes, a partir da fortaleza Hohensalzburg

Deixem-nos apresentar Salzburgo, uma cidade onde a música tem lugar de destaque e onde a arte contemporânea também ganhou o seu espaço. Salzburgo é a quarta maior cidade da Áustria e fica num vale onde vivem 150 000 habitantes. O Rio Salzach separa a cidade velha da cidade nova.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
O Rio Salzach que atravessa a cidade

Palácios, praças e belos parques parecem saídos de uma cena de filme mas… sabem que é mesmo verdade? O filme “Música no Coração” (quem não conhece?) foi rodado nesta cidade e exibido pela primeira vez em 1965. Em 1966 ganhou todos os prémios que havia para atribuir e ainda hoje é considerado o 5º melhor filme musical de sempre da História do Cinema.

222111
Uma cena do filme “Música no Coração” nos Jardins Mirabell

Foi pensando nisso que começámos o nosso passeio por um dos locais onde decorreu uma parte da acção do filme e que fica no lado da cidade nova, mas que faz parte do Centro Histórico que foi classificado como Património Mundial da UNESCO em 1996.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Há várias empresas que proporcionam visitas aos locais das filmagens, que decorreram na cidade e arredores

O Palácio e Jardins Mirabell foram construídos em 1606 pelo Arcebispo Wolf Dietrich que, não conseguindo manter o celibato, teve um longo relacionamento com a mãe dos seus 10 filhos. Construiu o palácio para albergar a sua família e deu-lhe o nome de Altenau.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
O Palácio Mirabell

Quando o seu segredo se desvendou, a Igreja Católica não aceitou e ordenou a sua prisão na fortaleza onde permaneceu durante 6 anos, até à sua morte. Para tentar apagar a História, o nome do palácio foi mudado para Mirabell mas… alguém esquece uma história de amor assim?

FORT
A Fortaleza Hohensalzburg vista a partir dos Jardins Mirabell

Hoje em dia estão instalados no palácio os escritórios do Prefeito de Salzburgo e a administração da cidade. O espaço é muito utilizado para casamentos e cerimónias oficiais.

SERV
O Palácio Mirabell é muito requisitado para casamentos, devido à história de amor que lhe está associada

O Salão de Mármore onde Mozart chegou a tocar, é considerado um dos salões de festas mais bonitos do mundo. As visitas decorrem todos os dias entre as 10h e as 18h com entrada livre. O Salão de Mármore pode ser visto às segundas, quartas e quintas-feiras entre as 8 e as 16h ou às terças e sextas-feiras entre as 13h e as 16h. O acesso é interdito no caso de estarem a decorrer eventos especiais.

MÁRMORE
O Salão de Mármore do palácio

Os Jardins Mirabell causam um deslumbrante impacto visual não só devido à forma como estão cuidados, mas também pelas belas estatuetas e fontes que deles fazem parte. Este espaço exterior encontra-se aberto todos os dias desde as 6h até ao anoitecer. Nos dias mais rigorosos do Inverno pode ser decretado o seu encerramento.

JA
O Jardim dos Anões, assim chamado devido à pequena dimensão das estatuetas ali existentes
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Fontes e esculturas de deuses romanos decoram este espaço deslumbrante

Passámos para o lado da cidade velha atravessando a Makartsteg que é a Ponte dos Cadeados. Inaugurada em 2000, a maior ponte pedonal da cidade é o local escolhido para, como em muitas outras cidades, os casais apaixonados colocarem os cadeados com o seu nome e deitarem a chave ao rio simbolizando amor eterno.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A Ponte dos Cadeados, como é mais conhecida
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A casa onde nasceu Herbert Von Karajan. No jardim fronteiriço está uma estátua em memória do grande maestro austríaco falecido em 1989

No alto de uma escarpa avista-se logo o Museu de Arte Moderna de Salzburgo, inaugurado em 1983 e criado depois de um rico comerciante de arte ter doado toda a sua colecção particular à cidade. Este é um dos locais de onde se desfruta de uma bela vista sobre o Rio Salzach e as suas margens. O museu está aberto de 3ª feira a domingo das 10h às 20h. A entrada é gratuita até aos 6 anos. Até aos 18 anos e mais de 60 anos/8€ e adultos/12€.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
O Museu de Arte Moderna de Salzburgo

Sternarkaden é um espaço de restauração que engloba o conceito de Jardim da Cerveja. Muito frequentado e conhecido também por Sternbrau (Cervejeira Estrela), este é um local de passagem obrigatório se quiser experimentar as especialidades gastronómicas da cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Uma decoração muito peculiar neste espaço que faz parte dos roteiros turísticos da cidade

A Rua Getreidegasse é a principal do Centro Histórico. Lojas, restaurantes e hotéis atraem muitos turistas para passear por aqui, mas essa não é a única razão. Mozart nasceu nesta rua, no nº9, em 27 de Janeiro de 1756 e aqui viveu com a família durante quase duas décadas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A casa onde Mozart nasceu e que é hoje um museu

Foi viver para Viena em 1781, quando já era um compositor famoso. A sua aptidão para a música revelou-se desde muito cedo e à data da sua morte, em 1791, já nos tinha brindado com mais de 600 obras! É caso para perguntar, até onde chegaria o seu talento se tivesse vivido o dobro dos anos?

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
O Café Mozart na Rua Getreidegasse

A casa onde nasceu foi transformada em museu, um dos mais visitados da Áustria, que abriu ao público em 1880. Em exposição estão os seus instrumentos musicais, as primeiras edições das suas músicas, fotos e cartas de família, o seu violino de infância e o clavicórdio onde compôs a ópera “A Flauta Mágica”. Há também pinturas que ilustram a sua vida em Salzburgo. O museu pode ser visitado todos os dias entre as 9h e as 17h30. A entrada é gratuita até aos 6 anos. Dos 6 aos 18 anos/4€, adultos/11€ e seniores/9€.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A entrada para o Museu Mozart. Ao lado da porta ainda estão as campainhas antigas que se puxavam para tocar para os diferentes pisos
MUS
Uma das salas do Museu Mozart

Está em vigor uma lei camarária que obriga a que todas as lojas da Getreidegasse tenham placas de ferro forjado penduradas a identifica-las. Antigamente muitas pessoas não sabiam ler e as figuras nas placas ajudavam a identificar o ramo de comércio. Esta rua foi escolhida para ser uma das faces de uma moeda de coleccionador muito valiosa, cunhada em Fevereiro de 2006 para celebrar os 250 anos do nascimento de Wolfgang Amadeus Mozart.

FERRO
As tradicionais placas de ferro forjado que caracterizam esta rua
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A torre do relógio no edifício da Prefeitura

Chegámos à Praça da Universidade onde decorria uma feira de artesanato e artigos regionais. Esta praça é dominada pela presença da Kollegienkirche ou seja, a Igreja da Universidade de Salzburgo. Foi construída no final do século XVII e dedicada à Imaculada Conceição.

20180821090106
A Kollegienkirche

Aqui se realiza o Festival de Música de Salzburgo desde 1920 e que tem lugar todos os anos ao longo do mês de Agosto. Ao seu lado está o grande edifício da Universidade de Salzburgo, fundada em 1622 e que é frequentada por 11 000 estudantes.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A Universidade de Salzburgo
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Os doces típicos da cidade numa feira de rua

A Praça do Mercado Antigo existe desde 1280 e reúne vários edifícios interessantes como sejam a antiga Farmácia da Corte com a sua fachada em estilo rococó que existe desde 1591 ou a principal chocolataria da cidade pertencente a Paul Furst, que em 1890 inventou o Mozartkugel, o chocolate com pistácios que homenageia o compositor. É obrigatório provar e, vão por mim… não se consegue comer só um!!!

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A Farmácia da Corte e a Fonte Floriani na Praça do Mercado Antigo
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Os deliciosos Mozartkugel

A maioria dos visitantes passa por esta praça e não repara mas o nº10 é a menor casa de Salzburgo. Tem apenas 1,42m de largura e foi construída em meados do século XIX. Tudo acontecia aqui, desde festivais de folclore a mercados e também faziam neste local a fogueira de St. John no Solstício de Verão.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A casa mais pequenina de Salzburgo

No centro está a Fonte de Floriani construída em 1687 no lugar onde era o poço municipal que fornecia de água a cidade. A estátua no topo da coluna foi lá colocada em 1734 em homenagem a St. Florian, padroeiro dos bombeiros.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Café Tomaselli, o café mais vienense da Áustria. Neste prédio viveu a viúva de Mozart com o seu segundo marido

A Catedral de Salzburgo fica mesmo no centro da cidade. A sua construção em estilo barroco remonta ao início do século XVII. Mozart tocou aqui várias vezes no seu órgão favorito, o Hoforgel.

20180821_103316
A Catedral de Salzburgo

Esta catedral é soberba e merece uma visita atenta aos seus inúmeros pormenores. A entrada na catedral é gratuita e está aberta das 8h às 17h no Inverno e até às 19h durante o Verão. Aos domingos as visitas só são permitidas a partir das 13h, depois do culto religioso.

20180821_102112
Aspecto do interior da catedral

A Residenzplatz, a Domplatz e a Kapitelplatz são praças indissociáveis da catedral e de uma beleza fantástica com as suas cúpulas que nos envolvem num ambiente único. Nesta última, apanhe o funicular que o levará rapidamente até à Fortaleza Hohensalzburg de onde consegue uma vista magnífica sobre toda a cidade.

NOITE
Vista nocturna da Praça Mozart que se transforma em pista de gelo no pico do Inverno. Os austríacos não são fãs desta estátua porque dizem não ser fiel à figura do compositor!
FUNICULAR
À noite, o funicular e a fortaleza ficam bem iluminados e realçam ainda mais a sua beleza

Construída em 1077, a fortaleza é a única na Europa totalmente preservada. Serviu, entre outros objectivos, como depósito de sal e prisão e é daí que nasce o nome da cidade: salz(sal)+burg(prisão)=Salzburg. O monumento está aberto das 9h30 às 17h no Inverno e até às 19h no Verão. O ingresso custa 12.20€/adultos e 7€/crianças entre os 6 e 15 anos e já inclui a viagem para ir e voltar no funicular.

FORTE
A Fortaleza Hohensalzburg

Na volta e não menos importante foi a visita ao Cemitério de St. Peter cuja origem remonta ao ano 700. As suas lápides são verdadeiras obras de arte. A mais antiga data de 1288. Este local, que é um dos mais visitados de Salzburgo, é também famoso por terem sido aqui rodadas importantes cenas do final do filme “Música no Coração”. Encontra-se aberto ao público todos os dias entre as 6h30 e as 18h.

20180821103752
O Cemitério St. Peter

Voltámos para o lado da cidade nova, desta vez pela Staatsbrucke. Esta ponte foi construída entre 1941 e 1945 por centenas de prisioneiros de guerra que eram obrigados a trabalhos forçados em condições desumanas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A Staatsbrucke

A Praça Makart foi assim baptizada em homenagem a Hans Makart, o famoso pintor austríaco do século XIX conhecido pela sua influência sobre Gustav Klimt. Em frente da praça fica a Igreja da Santíssima Trindade construída no final do século XVII.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A Igreja da Santíssima Trindade
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Foi aqui que Mozart viveu durante cinco anos antes de se mudar para Viena

A casa no nº8 foi a segunda residência da família Mozart. Também é nesta praça que se localiza a entrada principal dos Jardins Mirabell. Do lado oposto está o luxuoso Hotel Bristol, famoso por ter sido o primeiro hotel da cidade a instalar iluminação eléctrica.

ENTRADA
A entrada principal dos Jardins Mirabell
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Uma escultura de arte moderna em frente do Hotel Bristol

O Landestheater fica numa outra extremidade da praça e é palco para exibições de teatro, ópera e dança com companhias residentes. Foi inaugurado em 1 de Outubro de 1893.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
O Landestheater na Praça Makart

Depois de tantas voltas, a fome apertou e fomos almoçar uma óptima refeição no Restaurante Gablerbräu, com uma decoração muito ao estilo medieval e que fica bem perto da Igreja da Santíssima Trindade.

REST
O interior do restaurante
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
O Restaurante Gablerbräu é parte integrante do hotel com o mesmo nome

E depois de tudo isto, ainda estão a pensar se devem ou não visitar Salzburgo? Vão até lá e vivam a atmosfera desta cidade cheia de musicalidade!

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
A arte moderna sempre presente em cada canto, em cada esquina, num convívio muito salutar com o cunho medieval do ambiente que a rodeia…

♥ Boa viagem ♥

Guia Prático

♦ Quando ir

Em Salzburgo o Verão é agradável, mas as temperaturas raramente ultrapassam os 30ºC. Conte com Invernos muito rigorosos em que as temperaturas podem descer até aos -12ºC. A chuva pode aparecer em qualquer altura do ano, por influência das formações montanhosas que envolvem a cidade.

♦ Como ir

Não há voos directos de Lisboa para Salzburgo, mas a TAP Portugal e outras companhias aéreas, voam desde a capital portuguesa para Viena com voos domésticos de ligação para a cidade do destino. Se preferir, pode optar por fazer o trajecto entre Viena e Salzburgo em comboio. Este serviço oferece várias partidas diárias com uma duração aproximada de 2h30.

♦ O que vestir

Previna-se para o frio e a chuva independentemente da data da sua viagem porque, de uma hora para a outra ou faz sol, ou cai chuva. Não se esqueça de levar calçado suplementar porque se molhar, já não consegue secar. Se viajar no Inverno, tenha em consideração as temperaturas negativas e a neve.

♦ Alojamento

A oferta de alojamentos em Salzburgo é muito vasta e para todos os gostos e bolsas. Nós ficámos alojadas no Hotel Mercure Salzburg Central e recomendamos. Fica muito perto de tudo, incluindo o Centro Histórico. Os quartos eram muito bons, as refeições (jantar e pequeno almoço) foram magníficas e o pessoal muito profissional.

♦ Informações importantes

Visite o nosso Guia de Viagem para a Áustria onde encontrará indicações úteis sobre a entrada e permanência no país.

4 thoughts on “Salzburgo – muito mais do que o berço de Mozart

    1. Boa tarde. Ficamos muito gratas por saber que os nossos artigos lhe despertam interesse e são tão apreciados. Esperamos continuar a conseguir o objectivo a que nos propusemos, que é o de partilhar experiências e informar, dentro do que sabemos. Bem haja.

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s